Home / Município / Histórico

Histórico

A fixação dos primeiros moradores da área que mais tarde, viria a dar surgimento ao Município de Oeiras do Pará iniciou seu povoamento, por volta do ano de 1653, ali os Jesuítas instalaram uma missão, que denominaram de Araticu, que no idioma Nheengatu, significa “Língua de Papagaio” e em virtude de se localizar as margens do rio do mesmo nome. Pelo número de índios aldeados e pelo volume de extração extrativista, tornou-se uma das maiores missões Jesuítas no interior da província.

Os Padres Jesuítas com o trabalho junto aos indígenas transformaram a aldeia em Freguesia de Nossa Senhora da Assunção de Oeiras.

No final do XVIII, o ex-governador e Capitão-General Francisco Xavier de Mendonça Furtado, em 20 de Janeiro de 1758, pessoalmente elevou Araticu a Vila de Oeiras.

Portanto, 20 de Janeiro de 1758 é considerada a data de fundação do Município de Oeiras do Pará.

Oeiras do Pará é um município ribeirinho com uma área de 3.862,96 km² entrecortada por uma densa rede fluvial e vias rodoviárias.

A sede do município é distante 160 km em linha reta da Capital do Estado. O acesso ao município se dá através de vias aéreas (aviões de pequeno porte) ou fluvial com viagens semanais com duração de até 12 horas entre Oeiras/Belém.

O município localiza-se na mesorregião Nordeste Paraense, limitando-se ao Norte com o Rio Pará, nas coordenadas geográficas 02º 00′ 15” S e 49º 51′ 35”; ao Leste com os municípios de Limoeiro do Ajuru, Mocajuba, Cametá e Baião; ao Sul com os municípios Baião e Bagre; a Oeste com o município de Bagre.

Possui uma população de aproximadamente 31 Mil (trinta e um mil) Habitantes.

No período de 06 à 15 de agosto de cada ano, realiza-se a festividade da padroeira de Oeiras do Pará, Nossa Senhora da Assunção, que é uma das maiores manifestações do lugar. Seus festejos são acompanhados de Círio e Arraial em torno da igreja e comunidades.

Destacam-se, também, outras festas populares, tais como o Aniversário do Município, carnaval, Paixão de Cristo (Pastoral da Juventude), festa junina, Festival do Camarão (um dos maiores da região), torneio de férias, Festival Evangélico (Assembleia de Deus), Natal e Reveillon.

Alterações toponímicas municipais

Oeiras para Araticu, alterado pelo decreto-lei estadual nº 4505, de 30-12-1943. Araticu para Oeiras do Pará, alterado pela lei estadual nº 3400, de 01-10-1965.

Você pode Gostar de:

Símbolos

Brasão Bandeira Logomarca da Atual Gestão Best free WordPress theme

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Acessibilidade